Arquivo da tag: luz

As sombras e o lobo do homem…

tumblr_n05wjbaHic1sofxy9o1_500

Ás vezes eu canso, sim, canso deste excesso de estado de natureza destes tempos no nosso mundo, onde a barbárie reptiliana  se mistura com uma dissimulada humanidade fundamentada na hipocrisia e banalização do mal,  onde a ganância, a intolerância, idéias forjadas nas práticas  de utopias fundamentadas numa libertinagem pseudo democrática desautoriza o respeito, a ética e os valores em nome de uma aparente liberdade, felicidade consumista, prazeres efêmeros, em nome de que mesmo?

Não significa que com este cansaço, eu apoie  o autoritarismo, ou a repressão,  não, eu não apoio totalitarismo, nem absolutismo, nem nenhum tipo de prepotência, mas  entendo que precisamos encontrar um meio termo de organizar melhor e promover  novas formas de pensar e agir com mais equilíbrio e respeito este mundo onde  na mesma energia, somos um todo holístico…

Tenho a clara   percepção do dualismo a que somos impostos por simplesmente estarmos aqui, nesta terceira dimensão densa, traumática, neste agora que processa uma sofrida transição para novos paradigmas. No entanto, maniqueísmo a parte,  a prática pseudo democrática que está sendo aplicada  nestes tempos,  implica em metodologias libertinas com descontrole e desmonte dos pilares que norteiam fundamentos necessários que  embasam a rede de interação e interconexão essenciais para o senso de equilíbrio de comunidades, sociedades, individualidades. Princìpios  que se esgarçam e se corrompem diante da ausência do respeito, ausência  da ética, da ordem, da decência e da falta de diretrizes educacionais para incluir preceitos e princípios humanos numa percepção holística. Desta forma o que impera no mundo atualmente são valores invertidos, inocência lesada, espetáculos arrepiantes, ultrajantes que demonstram claramente quão  distantes estamos do que imaginamos ser : humanidade.

Ás vezes canso sim, suspiro profundamente, e encaro meu ego que me lembra  nesta hora que Thomas Hobbes tem razão, “o homem é o lobo do homem”, meditando profundamente neste cansaço, entendo que o lobo do homem,  são as suas sombras, e  as sombras não passam do medo, e o medo provoca a escuridão  e a escuridão somente existe pela ausência da Luz, então imagino que se cada um no mundo iluminar a sua escuridão interior, as sombras perderão força, e  o mundo será um mundo de Luz, de respeito, amor e paz… novo paradigma holístico, consciência mutante Eu Sou .

Mariangela Barreto

Anúncios

Entre frestas…

tex_dim09

Sei que  não sou ainda o que gostaria de ser, pois  estou sendo  agora  algo  em busca da sua identidade, sou um ente transcendente ..Ando tateando nestas brumas e sombras, onde entre frestas percebo a luz maravilhosa do sol. Não sei o caminho, sou caminhante traçando meu caminhar, sem mapa, ouvindo ecos e murmúrios de sons indeléveis, entre gritos e gemidos, estertores de formas pensamentos, larvas astrais, fadas e sílfides.Sigo hesitante e informal,  desdenhando dogmas e conceitos impostos, onde me revisito, me transmuto, em eterna construção, rastreando as leis imutáveis deste cosmo infindável e interior.

Tenho muitos mestres e muitas vidas, as lições que aprendo estão em cada canto, em cada parte, em cada drama, o mundo é meu guru, no eterno agora onde habito. Absorvo conhecimentos e fundamentos em cada fonte que acho, inumeráveis mestres e seres iluminados, outros disfarçados de gente, camuflados em egos. Enquanto isso eu me percebo como um ente alado, viajante no tempo, captando, absorvendo, aprendendo e  dançando  com a vida, entre o tudo e o nada, a magia e as armadilhas. Uma mente inquieta que se deslumbra quando se cala, quando se lança no vazio aterrorizante e esplendoroso do silencio onde me projeto entre  frestas que me conduzem ao sol, a luz da Fonte, ao inexplicável ,ao mítico, ao tudo, ao nada, entre a continuidade atemporal espacial, energia e matéria, um ente em transição, consciência mutante.

Mariangela Barreto

Até o próximo ato…

1150427_620925447940589_622408495_n

A vida, esta energia vibrante que tudo permeia e que  está em tudo  não tem finitude, é  puro  movimento nestas linhas e traços  que se propagam  indefinidamente entre universos que transitam entre ondas, linearidades, espirais geométricas e fractais  onde a atração vibracional  molda palcos, mundos incompreensíveis e inimagináveis.

Aqui nesta dimensão  densa, onde a sutileza da beleza da energia do jogo de luzes se condensa e limita, mesmo assim, entre as frestas que acontecem entre o tempo do  sono e o despertar, eu tenho a certeza de  que  a vida continua  de várias formas, em várias dimensões, em vários seres e roupagens,  transformações e movimentos,  impermanência é a assinatura deste mistério…

E aqui estou, se como voluntária ou exilada, não sei, importa que estou aqui, consciência mutante, no thaumazein  deste momento existencial que  me surpreende entre  vivencias e desafios diante da diversidade dos niveis de consciência, dramas e revelações  que  existem neste mundo. E diante da imensidão deste espaço multidimensional, eu sou imensamente grata a esta imensurável Fonte de vida criadora, da qual sou uma pequena centelha cocriadora que se revela. Neste corpo onde vivo, lentamente me desapego das vestes e formas, onde o personagem se traveste até o próximo ato. E assim me expando consciência mutante, Eu Sou.

Mariangela Barreto

A armadura e o ego…

x10x0xts.gif

Sei uma coisa sobre o ego…ele não gosta de olhar para dentro, não suporta o silêncio.  Tenho me debruçado muito sobre o entendimento do ego, do meu é  claro, muito briguento, conflituoso, sempre na defesa, se desculpando, mergulhando em águas sombrias onde vive se afogando e  correndo  em labirintos cercado de sombras.

Fica dificil viver em paz, se permitir estar em paz, vivendo assim, possuida por esta reatividade, esta dualidade compulsiva, enquanto minha essencia minha centelha quer se expandir, impossibilitada pelo ego que se impõe. Mas eu sei que é preciso ter paciência consigo mesmo neste caminho de autoconhecimento, onde  observador e observado, o yin e yang  dançam esta dança, em busca do equílibrio. Assim entre muitas e profundas reflexões, de percorrer tantos caminhos, distimias e desculpas,  encontrei lá no fundo, no mais escuro da tristeza e da negação, a raiz de tudo, encontrei o medo, encolhido, escondido, travestido de guerra, batalhas, gritos, agressões, inveja, confronto, sentimentos de inferioridade, rejeição, ambição, vaidade, o medo agarrado no sentimento de posse e gritos de guerras, temendo desesperadamente a perda. Lembrei do que Buda falou,”Quanto maior a armadura mais fragil é o ser que a habita” e assim  eu consegui encarar o ego, meu ego frágil, infantil, perdido,  mascarado  de bicho papão, mas completamente dependente do que existe fora de si mesmo para sobreviver e manter a ilusão de ter o controle e o  poder.

E  nesta investigação profunda, cara a cara com o medo, o ego encontra-se desnudo? o que fica a não ser este momento Agora, onde a presença reluz, numa calma sem eco, sem burburinho, o que fica a não ser o silencio, a consciencia…. o que resta enfim, o eu sou, o tudo ou o nada?

Mariangela Barreto

Os Chakras!


1 –”Chakra Básico

Sua cor, o Vermelho, atua nos órgãos do aparelho genital, urinário, reprodutor, útero e próstata, etc.

Nessa região, tratam-se as doenças do sangue, fígado, bexiga, inflamações e qualquer espécie de hemorragia, como também qualquer anomalia dos órgãos relacionados.

Tem a função de captar e distribuir a força primária para todo o organismo e absorve a energia da Kundalini, que serve para reativar os demais Chakras. Essa energia sobe pela coluna, alimentando-a.

Sua potência física combina com a vontade de viver, dá ao indivíduo uma presença de força e vitalidade e se encontra bem fundamentada na realidade física. Faz com que a forte vontade de viver ative os demais Chakras e a pessoas ao redor, recarregando-lhes o sistema de energia.

É o Chakra responsável pelo estímulo sexual, desperta o desejo do ato sexual, proporcionando orgasmos tão intensos que as pessoas, com este Chakra desenvolvido, tendem a direcionar sua vida através da relação sexual.

Quando ocorrem bloqueios ou desequilíbrios, podem aparecer: problemas de coluna, hemorróidas, instabilidade social e emocional, uso incorreto da vontade, o sentir-se impotente diante das situações, insegurança, desespero, medo e falta de praticidade. Além de preocupações excessivas com as coisas da matéria, ganância, descontrole dos aspectos instintivos e sexuais. Seu desequilíbrio pode manifestar-se por impotência sexual e frigidez.

2 – Chakra Esplênico

Sua cor, o Laranja, atua diretamente no baço, rins, fígado, pâncreas e supra-renais, é importantíssimo para a secreção das glândulas e órgãos endócrinos. Responsável pela vitalidade dos nervos. Através desse Chakra, tratam-se, as doenças da bexiga, a menstruação, as cólicas, colite, febre, diarréia, anemia, diabete, câncer, etc.

Sua energia flui pelo revestimento medular dos nervos (não pelas fibras) e é distribuída para todas as partes do corpo. O excesso de energia absorvida pelo Esplênico, que não for usada pelo organismo, é expelido pelos poros em forma de emanação energética. Quanto maior sua absorção, mais poderoso o magnetismo pessoal, muito utilizado nos trabalhos de cura.

Os bloqueios desse Chakra são geralmente causados por problemas emocionais, dificuldade em dar e receber e intensidade de prazer ou dor, manifestando histeria e vícios;excesso de preocupação com o futuro, com o bem-estar dos outros e com a preservação. Medos e ressentimentos sobre o sexo, causando experiências sexuais traumáticas ou dificuldades no parto. Pode ocorrer uma falta generalizada de vitalidade, perda de juventude e diminuição do magnetismo pessoal.

O desequilíbrio do Chakra Esplênico afeta o sistema digestivo inferior, podendo causar alterações das substâncias químicas nos intestinos e no estômago, causando úlcera e até câncer. As glândulas de secreção interna (ovários, testículos, pâncreas, rins, tireóides e pituitária), deixam de expelir sua secreção para a corrente sanguínea, causando disfunção orgânica e doença.

3 – Chakra Solar

Sua cor, o Amarelo, atua no estômago, intestino, e a todos os órgãos do aparelho digestivo, afeta o sistema nervoso e simpático.

Tratam-se, através desse Chakra, doenças dos ossos, paralisia, gota, dores de cabeça, etc.

Influi nas emoções e através dele percebemos as emanações hostis ou vibrações afetivas do ambiente. Ligado às emoções de poder pessoal, criatividade e auto-expressão. É considerado mental e o vínculo da mente com as emoções pode ser constatado, porque os processos mentais servem de reguladores da vida emocional. Possui grande importância nas relações humana.

Seu desequilíbrio provoca timidez, egoísmo, narcisismo, egocentrismo vários tipos de medos, que geram propensão para a raiva e violência;na dificuldade de expressar a autoconfiança e criatividade, incapacidade de se colocar em sintonia com as pessoas, locais e carência de auto-estima.

4 – Chakra Cardíaco 

Sua cor, o Verde e o Rosa, exerce influência na circulação sanguínea. Alimenta o coração, sangue, nervos e vasos sangüíneos, é responsável pelo funcionamento adequado do sistema imunológico e relaciona-se ao timo.

Regula as emoções e os sentimentos, tais como simpatia, ternura, compreensão e compaixão. É a sede do eu superior onde se assenta a alma humana. Controla a integração de nossas forças superiores e inferiores, equilibra a auto-estima e a capacidade de dar e receber amor. Quanto maior e mais aberto esse Chakra estiver, maior a capacidade de amar a si e aos outros. Tem capacidade de transformar as energias do cosmo em energia de cura física. A harmonia deste Chakra acentua as atividades positivas, no tocante a realização de coisas da vida, e faz ver as outras pessoas como sustentáculos, destacando a perfeita harmonia entre as vontades humanas e as leis divinas.

Traumas ligados a relacionamentos afetivos afetam diretamente a região cardíaca, provocando o desequilíbrio neste Chakra.

Quando ocorrem bloqueios, o potencial do amor e compaixão transforma-se em luxúria; a auto-estima é prejudicada e a vontade individual enfraquecida, gerando a falta de criatividade e tornando as pessoas excessivamente sensíveis às influências e opiniões. Há problemas de relacionamento com o mundo exterior, sensação de falta de intercâmbio amoroso e um angustiante vazio dentro do peito.

5 – Chakra Laríngeo 

Sua cor, o Azul, é diretamente ligado à tireóide, cordas vocais, vias respiratórias, traquéia, brônquios e pulmão.

Controla a expressão verbal, influindo também sobre o sistema auditivo. Responsável pelo rejuvenescimento e longevidade. A característica desse Chakra é o sucesso; sai expansão proporciona satisfação no trabalho e nas tarefas da vida das pessoas, mantendo-as bem ajustadas e conseqüentemente bem-sucedidas.

Quando existe bloqueio, esta causa incertezas, indecisões, dúvidas e desânimo, afetando a auto-expressão e a prosperidade.

O desequilíbrio em torno da voz, gagueira, vertigens, fadiga, asma, doenças metabólicas, obesidade, etc., são algumas das conseqüências que surgem.

6 – Chakra Frontal

Sua cor, o Índigo e a Violeta, alimenta a parte inferior do cérebro, olho esquerdo, ouvido, nariz e o sistema nervosa parassimpático.

Regula as atividades inteligentes, é o ponto de abertura da visão interior, espiritual e inspiração. Associado à implementação de idéias criativas.

Seu desequilíbrio provoca desinteresse pelo presente e medo do futuro, fazendo com que se manifestem idéias e conceitos mentais confusos e geralmente negativos, que podem criar obsessão mental ou perturbação psíquica. Há ainda memória fraca, dando a sensação de estar no “espaço”, problemas de sono, sonhos perturbadores e alucinações.

7 – Chakra Coronário 

Sua cor, a Violeta e o Branco, ligado à glândula pineal e ao córtex cerebral, alimenta o cérebro superior e o olho direito.

O Chakra Coronário é responsável pela maior captação de energia cósmica, bem como por estabelecer contato com as esferas superiores do Universo.

Está associado à conexão da pessoa com a sua espiritualidade e à integração de todo o seu ser físico, mental e espiritual.

Vai além do mundo físico e cria no indivíduo um sentido de totalidade.

A energia do prana, captada por esse Chakra, alimenta os demais centros de força e auxilia na meditação, suprindo-nos de vida cósmica.

Seu desequilíbrio nos deixa fora de sintonia com a espiritualidade, provocando depressão por não encontrarmos significado na vida. Faz nos sentirmos separados de todo e desconectados da unidade. Devido ao seu desequilíbrio, a pessoa não estabelecerá o intercâmbio com a espiritualidade, perdendo com isso a oportunidade de crescer e evoluir nesta existência.

Simboliza a sabedoria intelectual dos governantes. Tornou-se hábito a utilização da coroa na cabeça dos governantes, representando o desenvolvimento desse Chakra.

Dos demais Chakras, convém menciona a função de outros quatro:

Chakra dos Pés

Localizado nas solas dos pés, sua finalidade é descarregar a energia elétrica (estática) gerada pelo corpo físico, como também absorve a energia da Kundalini que vem da terra e a energia magnética.

Chakra do Joelho

Atua como um transformador, regulando a quantidade de corrente que deve entrar no corpo.

Chakra das Mãos

Absorve as ondas radiativas, como também transmite energia, o que explica a cura pela imposição das mãos.

Chakra Humeral

Localizado nas costas, sobre a parte superior do pulmão esquerdo. Além de também exercer influência nos pulmões, é responsável pela relação mediúnica entre o plano espiritual e o físico.”

http://pedra-luz.blogspot.com

Cromoterapia – as cores auxiliando a cura!


 Vivemos em um mundo repleto de vibrações coloridas, e estamos interagindo todo o tempo com elas. A cromoterapia é uma técnica terapêutica que utiliza a cor para auxiliar na cura do ser humano e de seus males físicos e mentais. O corpo absorve os campos eletromagneticos da luz  auxiliando o equilibrio energetico essencial para a saúde.A pessoa é trabalhada nesta técnica em todos os níveis numa percepção holistica do ser.

As cores influenciam nossas vidas, servem para expressar e comunicar sensações, uma cor suave nos deixa uma impressão enquanto que uma cor mais forte e densa nos transmite imprensão diversa. Atualmente existe um cuidado todo especial na utilização das cores na decoração dos ambientes, em alguns hospitais já é utilizada a cor verde clara  nos quartos, em função da sua atuação calmante e equilibrante e um auxiliar na aceleração da cicatrização dos tecidos. Tambem na alimentação, no uso das roupas, nos ambientes profissionais a cromoterapia é utilizada para atingir os efeitos atribuidos a sua aplicação.

Já se fazia a utilização da curas pelas  cores no antigo Egito, em 3000 AC, através das pedras preciosas, cristais, doação de energias pelas mãos e agua solarizada. Também na India a cromoterapia passou a fazer parte da medicina Ayurvédica,  nesta mesma época 3000 AC,  na Grécia em 500 AC através da Helioterapia a terapia dos raios solares, muito utilizada por Hipócrates o pai da medicina.

“A cromoterapia parte do princípio de que a cor tem o poder não somente de influenciar a psique humana, como também o de provocar efeitos terapêuticos tópicos. Muitas são as suas utilizações, como nos casos de dor, ferimento ou patologia localizada.”

 O Tratamento pela Cromoterapia

A terapia pelas cores, atua nos processos de ativação de células doentes, recuperando-as. Cientificamente está comprovado que nosso corpo é composto de particulas de energia. Se os átomos forem energizados pelo calor/ luz os elétrons absorvem esta energia. Como matéria é energia condensada, e segundo Albert Einstein e energia é materia em estado luminoso, as celulas que são compostas de átomos que são materia/energia  reagem á aplicação das cores através da luz.

No século XX, os Estados Unidos dedicaram-se a pesquisas sobre os efeitos das cores, e temos como um dos resultados a utilização do raio laser, pura luz, aplicado na medicina com grande sucesso nas cirurgias. Os raios de infravermelho, ultravioleta são outros exemplos cientificos da aplicação e utilidade das cores.

No atendimento, o cromoterapeuta deverá traçar  o perfil psicológico do cliente através de uma anaminese convencional numa abordagem terapeutica holistica, utilizando  também o pêndulo (se for o caso) como suporte para estabelecer o padrão do campo energetico  dos chakras. Faz-se necessário conhecer o estilo de vida, a historia clinica da pessoa, o tratamento consistirá em aplicações diretas de foco de luz colorida nos pontos determinantes do corpo.É importante que exista um padrão de conexão mental e intencional para o restabelecimento energético da aura e o retorno do equilibrio fisico mental e espiritual.

As cores usadas na cromoterapia são as do espectro solar: vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, indigo e violeta.As cores são classificadas como quentes pela vibração mais lenta e amplitude da onda eletromagnética: vermelho, laranja e amarelo. As de vibração mais rápidas também em relação da onda eletromagnetica, são denominadas cores frias: Azul, indigo e lilas, o verde é o equilibrador.

A dinâmica da cura pelas  cores, cromoterapia,  é reconhecida como uma das principais terapias alternativas pela OMS desde 1976, de acordo com a Conferência Internacional de Atendimentos primários em Saúde em Alma Ata no Cazaquistão. Esta técnica vem ganhando cada vez mais adeptos em busca da harmonia e equilibrio do corpo, mente por meio das cores.

Mariangela Barreto