Arquivo da tag: paz

Pedaços de mim…

10031_568085706557897_202053064_n

Tem um lado em mim que precisa de cura
que por sentir-se feio, triste, maltratado
fica no canto invisivel, entrevado,
anseia a luz  quer iluminar-se
por mais que tente,
não sabe.

Tem um pedaço em mim
que  sofre,
um fragmento solitario,
aquele que tropeçou e ficou para trás
vendo de soslaio o riso no rosto alheio
invejando a beleza sem saber-se belo.
Mas como expressar  temores,
no mundo onde a força impera?
ser sensivel aqui é ser anormal…

Esta parte encarquilhada  avança,
sozinha, remendada mistificando a dor
mas dentro de mim incompleta e solitária
não consegue a liberdade que impera
entre guilhões vive prisioneira,
arrasta-se  incompleta…

A dor  faz lembrar
da parte esquecida de mim
dos fragmentos que imploram cura,
daqueles que precisam de luz
ela sofre então lembra…

É tempo de retornar
reencontrar as partes companheiras
fragmentos da tristeza que estão pra trás,
é preciso retornar em nome do amor,
resgatar o que foi rejeitado, renegado
partes sensiveis gentis e belas
massacradas pelas guerras,
é preciso resgatá-las
para sentir-me curada,inteira
livrar-se da dor
em nome da luz, em nome da paz..
em nome da vida,em nome  do amor…

Mariangela Barreto

https://www.recantodasletras.com.br/pensamentos/6088802

Anúncios

Camaleônica ….

58608e18e16114412039a531d09f6344
Quando eu escrevo, não se confunda,
pode ser um fragmento  de mim
emitindo luz ou naturalmente  sombra
pois cataliso emoções absolutas,invasivas
tradutora de negações e contrapartidas.
Por isso não se confunda
quem escreve aqui não sou eu
mas um fragmento de lapso do instante
captado do que sou neste universo
magnífico,incompreensivel e mágico
não se engane,também pode ser eu,
mescla de luz,de dor, de paz,
personagem ou autor, camaleão,
apenas sendo traduzido em formas
traços, pensamentos, emoção,
esvaziando-me neste vazio!
Mariangela Barreto

Meditar para que?

São inumeras as pressões do mundo atuando sobre nossas vidas, desestabilizando nossas mentes, provocando doenças, desequilibrios. Muitas vezes nos sentimos presos em redemoinhos mentais que nos deixam cada vez mais distantes da paz e da tranquilidade que tanto almejamos. Vivemos envolvidos em apelos, exigências, e padrões que perseguimos e nem paramos para refletir a real necessidade deste frenesi angustiante. Cada vez mais buscamos a paz e a felicidade fora de nós, quando na realidade só podemos alcançá-las a partir do nosso interior. Mas para encontrar este estado, precisamos do silencio para aquietar, esvaziar a mente, calar a tagarelice dos pensamentos.

É muito fácil meditar mas nem sempre é simples calar a mente, por isso precisamos de paciencia e persistência. Os beneficios da meditação são inúmeros, nos permite aprofundar a nossa capacidade de concentração, reduz o nível de estresse, medos, nos auxilia a trabalhar o desapego, a nos distanciarmos das tensões do mundo das aparências. Esta prática nos conduz a uma interiorização que nos fortalece e nos conduz ao desenvolvimento de uma percepção muito além do nosso corpo fisico, ampliando a compreensão de que nosso universo interior é ilimitado.

Existem muitos métodos de meditação, mas basicamente precisamos somente de alguns minutos durante o dia para sentados ou deitados, fecharmos os olhos, relaxarmos o corpo, respirando pelo nariz, nos concentrando na respiração,em silencio num encontro consigo mesmo, se aparecerem pensamentos, devemos deixa-los ir sem nos fixarmos.

A meditação nos proporciona momentos de tranquilidade e profunda serenidade. Quando aquietamos a mente e diminuimos a tagarelice interior vamos entrando num estado de imensa leveza e paz, esta sensação nos permite compreender que o estado de felicidade é uma condição interna.Com a meditação, as ondas alfas no cérebro aumentam favorecendo ao relaxamento e possibilitando desativar o estado de alerta constante que provoca ansiedade e estresse. Esta pratica proporciona o mergulho interior que nos auxiliará a ouvir a voz do coração e reconectarmos com o que temos de mais verdadeiro e sublime, a nossa verdadeira presença interior, nossa consciencia do ser.

Mariangela Barreto