Arquivo da tag: transcendencia

Muito além…

17022325_1259627277451188_6483705550916355611_nO que queres de  mim, ó vida?
por onde voce quer que eu ande?
para onde voce quer que eu vá?
ando correndo, chorando, buscando,
e quando penso que  encontrei,
afinal o que vim buscar?..

me engano de novo, recomeço, paro
ate quando vida, vou viver a tentar?

Só escuto o silencio e o cansaço
enfim  eu  aceito, desisto, relaxo
então deixo ir emoções e  fracassos
se desapego, então eu me encontro
se eu me entrego, então eu me acho…

~Mariangela Barreto https://www.recantodasletras.com.br/pensamentos/6290487

Anúncios

Entre frestas…

tex_dim09

Sei que  não sou ainda o que gostaria de ser, pois  estou sendo  agora  algo  em busca da sua identidade, sou um ente transcendente ..Ando tateando nestas brumas e sombras, onde entre frestas percebo a luz maravilhosa do sol. Não sei o caminho, sou caminhante traçando meu caminhar, sem mapa, ouvindo ecos e murmúrios de sons indeléveis, entre gritos e gemidos, estertores de formas pensamentos, larvas astrais, fadas e sílfides.Sigo hesitante e informal,  desdenhando dogmas e conceitos impostos, onde me revisito, me transmuto, em eterna construção, rastreando as leis imutáveis deste cosmo infindável e interior.

Tenho muitos mestres e muitas vidas, as lições que aprendo estão em cada canto, em cada parte, em cada drama, o mundo é meu guru, no eterno agora onde habito. Absorvo conhecimentos e fundamentos em cada fonte que acho, inumeráveis mestres e seres iluminados, outros disfarçados de gente, camuflados em egos. Enquanto isso eu me percebo como um ente alado, viajante no tempo, captando, absorvendo, aprendendo e  dançando  com a vida, entre o tudo e o nada, a magia e as armadilhas. Uma mente inquieta que se deslumbra quando se cala, quando se lança no vazio aterrorizante e esplendoroso do silencio onde me projeto entre  frestas que me conduzem ao sol, a luz da Fonte, ao inexplicável ,ao mítico, ao tudo, ao nada, entre a continuidade atemporal espacial, energia e matéria, um ente em transição, consciência mutante.

Mariangela Barreto